quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Eu prometo – E não é campanha politica.


  • Buscar o equilíbrio.
  • Desenrolar os projetos pendentes e profissionais.
  • Equilíbrar as minhas finanças e sair do cheque especial.
  • Não beber e fazer cagada.
  • TENTAR DE VERDADE parar de fumar.
  • Conhecer o México e viajar pra Las Vegas.

No último dia do ano - mais especificamente nas últimas horas. Esse são as minhas metas e promessas para 2009.

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Eu prometo – E não é campanha politica.

















· Trabalhar mais

· Beber mais

· Putanhar mais

· Transar mais

· Olhar mais pra bunda da secretária

o Adendo – Se der passar a mão na bunda dela

· Arrumar uma briga decente

· Tomar um bom porre

· Sacanear um amigo

o Leia-se tirar um bom sarro.

· Transar mais

· Arrumar mais tempo pra mim

· Beber mais cervejas importadas

· Estudar

o Mais só um poquinho.........

· Conseguir uma promoção

o Não sei como mais vou!

· Eu já disse transar mais????

· Fazer alguma crazy trip

· Tentar evitar as homéricas ressacas

· Ser mais flexível

· Postar com mais frequencia

· Comprar um whsiky pro meu muleque, e deixá-lo envelhecer até que ele complete 18 anos...........pensando bem 16 anos.

· Acho que.........transar mais.

Eu prometo – E não é campanha politica.



- Aprender Java;
- Fazer uma festa monstra pra comemorar minhas 3 décadas de vida;
- Deixar de timidez boba e tocar meus sets de PsyTrance em uma festa(ou várias);
- Pegar uma mulher inocente pela mão e apresentar o doce e delicioso mundo do Swing;
- Ir a Sampa tomar breja com o Henrique;
- Ir a Gyn tomar breja com o Sorvete;
- Conhecer a Amanda;
- Pegar a Mariana de com força;
- Aceitar o convite e tocar com o Gringo na banda de Hardcore dele;
- Nunca mais dar presente pra uma mulher sem receber nada em troca;
- Fazer esse Blog virar um dos mais fodas do país.



Macacos, comentem
Postem o seu também!

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Post de um nego "begado".....................

De boa mesmo nem sei o que escrever, to aqui meio "begado", depois de sei lá quantas brahmas, pensando e questões que realmente afliglem o mundo que vivemos.......
O que eleas são não sei...................cabeça de bebado, ninguem entende mesmo.
Só espero que a ressaca passe logo e eu lembre o que queria falar.

Cheers.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Muita testosterona = Merda!!!


















By: Kibeloco

Vendo essa imagem (sim, eu só tenho ideias de posts depois de ver imagens), me veio uma coisa na cabeça, quanta merda nós ja fizemos por causa de testosterona em excesso na cabeça (de cima e de baixo).

Quantas mentiras nós já contamos, quantas histórias nós já inventamos e quantas roubadas nos enfiamos por causa de nada mais nada menos do que "mulher.

Eu por exemplo, já fui surfista profissional, amigo gringo, new playboy, e até já inventtei história por causa da testosterona do amigo (todo mundo aqui, uma vez na vida, já ficou enrolando a aquela feinha, enquanto o brother , ia na mais gatinha).

Nota mental para outro post - Por que mulher bonita, sempre anda com uma amiga feia???????

Bom voltando ao assunto principal, se for citar uma história legal de testosterona em execesso, teve um dia que eu tava trebadasso, e um camarada que tinha um kombi (leia-se carro grande e velho, só com o compartimento de cargas atrás), chamou eu e mais uns amigos pra ir num putero que as “minas” eram show. Aceitei na hora, só que chegando lá o lugar era horrível (era um drive-in, em que as putas ficavam do lado de fora, e se você quisesse comer alguem tinha que comer no seu carro), as putas eram terríveis, e o local em si que a gente estava, era uma bocada do cacete.

Pra quem conhece São Paulo, eu estava na avenida em frente do SESC da Cidade Tiradentes.









(Lugar tenebroso)

Beleza até ai não era o fim do mundo, falamos um monte pro cara, e resolvermos ir pra um prostibulo de melhor qualidade (ou pelo menos em local, onde as putas tivesse todos os dentes na boca), quando a estamos a caminho, passa uma Honda R1 linda na rua, o animal que estava no volante (conhecido pelos amigos como “Zoínho”) fica olhando pra moto, e não presta atenção na rua.









O zoinho é uma versão, mais favelada e mais feia desse cara!)

"Nota de entendimento da história": A kombi dele, estava com uma folga no voltante de quase 360 graus.
Resumindo, ele passou literalmente lixando um Palio na rua. Arranhou a lataria toda.

Na hora que ele fez isso ele parou a Kombi e olhou para trás, juro pelo meu filho que esta para nascer, 4 negões enormes saem do buteco da frente com tacos de sinuca na mão, olhando pra nossa kombi babando, cheio de sangue nos olhos.












(Imagem bonitinha representando minha quase morte)

Nós chegamos da Cidade tiradentes ao centro de São Paulo em 7 minutos e meio, eu nunca vi uma kombi correr tanto, e eu nunca vi tanto muleque rezando pra tudo que era santo, pra não morrer (na epoca se eu tinha 17 anos era muito).
Na boa, a sorte e que o "Zoinho", motorista da Kombi conhecia muito bem o local, e conseguiu dar um perdido master nesses caras, antes que eles entrassem no carro e fossem "caçar" a gente, pq na boa se eles tivessem nos pego, eu não estaria aqui, escrevendo esta história!

Tenho algumas outras mas acho que se começar a contar aqui, não vai haver espaço suficiente paara tanta merda.

E vocês caros leitores, (caso existam), tem alguma boa história para nos contar?

Cheers


domingo, 14 de dezembro de 2008

Frenagem de emergência

Em todos os cursos do DETRAN fala-se muito em direção defensiva, sobre como "evitar" acidentes, como dirigir de forma prudente.

Mas alguma vez você já ouviu algum instrutor (mesmo com a nova lei) explicar detalhadamente o que é um freio
ABS, ou pra que serve o punta-taco e/ou passar marchas no tempo?

O motorista dos sonhos - segundo o DETRAN

Vamos aos fatos - o Pior perfil de clientes sinistrados segundo as seguradoras são os indíviduos com as seguintes características:

1 - De sexo Masculino
2 - Até 25 anos
3 - Solteiro

E
coincidentemente me interesso em assuntos de pilotagem, direção ofensiva e me enquadro perigosamente nesse perfil.

Segue abaixo um trecho do Portal da Comunicação
UOL:
"Direção Ofensiva

De nome é Sebastião; por apelido, Ferreirinha; a profissão, motorista. Mas pode chamá-lo de repórter

Eduardo Marini

Dona Imaculada coloca o café na mesa e dá logo o recado: "Esse aí, menino, gosta de uma aventura". Conhece bem o marido, Sebastião Ferreira da Silva, 59 anos, o Ferreirinha. Filho de lavrador, deixou Arapiraca (AL) aos 14 anos para trabalhar na construção civil em São Paulo. Assim que foi possível, tirou carteira de habilitação. Em 16 anos de Folha de S. Paulo e em outros "15 anos e três dias" na sucursal paulistana do Jornal do Brasil, Ferreirinha conquistou a amizade e o respeito de pesos pesados da profissão como um dos mais atentos, inteligentes e folclóricos motoristas de reportagem. Com suas histórias quase inacreditáveis, é a rigor um exemplar típico das gerações românticas do jornalismo.

Greves no ABC, fundação do PT, Diretas Já, queda do avião da TAM... Difícil era não encontrar Ferreirinha nu-ma cobertura quente. Numa delas, em 1979, saiu de São Bernardo do Campo no carro da Folha e encarou seis quilômetros no acostamento da contramão da Rodovia Anchieta para fugir da polícia e salvar o filme do fotógrafo U. Dettmar, que acabara de fazer imagens da greve dos metalúrgicos. Nesse período, dormiu várias vezes na sede do sindicato cercada pelas tropas. Tinha a companhia de líderes do movimento, entre eles um barbudão de voz rouca chamado Luiz Inácio da Silva.

Naquele dia da fuga, o repórter de texto era Ricardo Kotscho, atual secretário de Imprensa de Lula e uma das companhias de trabalho preferidas do motorista. Convidado pelo amigo, o motorista hoje trabalha no escritório paulista da presidência da República."

Fonte: http://portaldacomunicacao.uol.com.br/textos.asp?codigo=7229

Direção ofensiva não é tirar racha na rua. Definitivamente não é isso! É minimizar uma ação ofensiva (Dirigir em alta velocidade por exemplo) tentanto evitar os riscos de segurança aos demais condutores.

Afinal de contas há alguma garantia que se você digir a 160km/h dentro de uma cidade não encontrará uma criança correndo atrás de uma bola no meio da rua?

Tá tá tá... Já estou falando demais. Vou mostrar um vídeo de uma escola de pilotagem - e comercialmente falando o termo
direção defensiva vende mais (isto é só para constar, porque não apareceu o termo direção Ofensiva no vídeo em lugar nenhum).





O tema do
post é a frenagem de emergência - que vou falar logo a seguir -, mas acho que deu pra sentir que fazer um Slalon de Ré não é tão fácil quanto parece, principalmente num carro grande de traseira leve como os carros SW ou caminionetes.


"Frenagem de emergência

Você sabe como agir na hora do susto?

(25/07/2001) - Uma das grandes preocupações do motorista é maneira correta para frear o carro em uma situação de emergência. Imagine só: o carro está em alta velocidade na estrada ou em grandes marginais e é preciso pará-lo para que não aconteça uma batida, um acidente, um atropelamento. O que se deve fazer na hora? O correto é pressionar ou não o pedal da embreagem?
O motorista precisa dar uma pancada forte no freio e, simultaneamente, apertar a embreagem. Para se ter idéia, essa pancada deve ser equivalente a 25 kg. Nada de tocar levemente o pedal de freio. Ao contrário, a freada deve ser "agressiva".

Assim, o carro freia mais rápido, de maneira eficiente e evita acidentes mais graves. Por esse motivo, aquela história de que se deve ficar longe do pedal da embreagem não é verdadeira. Abra o olho!


Mas qual é a verdadeira vantagem do ABS?

O ABS (anti-lock brakes) impede que as rodas travem durante a frenagem e, assim, o motorista consegue manter o controle enquanto o carro freia. O sistema ABS percebe eletronicamente a iminência do travamento das rodas e evita que isso aconteça. Nos carros sem ABS, a história é outra. Durante a frenagem, se o veículo estiver em linha reta, o motorista acaba virando passageiro do seu próprio carro: não há mais o controle da trajetória e o automóvel vai para onde quer. Em curvas, o veículo também escapa da trajetória correta e acaba saindo da pista.


Por que o pedal do freio ABS vibra?

Ao pressionar o pedal de um carro com ABS, o motorista percebe que o mesmo trepida. Esse é um sintoma de que uma das rodas está quase travando e o ABS está trabalhando a todo o vapor para evitar o pior.


Você sabia?

O ABS não serve para frear em um espaço menor, mas sim para evitar o travamento das rodas e permitir que o motorista continue com o carro sob controle durante a frenagem.

Existem cursos que explicam como deve ser o comportamento do motorista se o automóvel não contar com ABS. Parece um simples detalhe, mas não é.

Depois de frear de maneira forte (situação de emergência), os pneus de um carro sem ABS ficam imprestáveis e não agüentam rodar por muito mais tempo. No carro com ABS, o jogo de pneus não sofre tanto com o impacto e permanece praticamente intacto.

Consultoria: Cesar Augusto Urnhani,
piloto de testes da Pirelli"

Fonte: Webmotors - http://www.webmotors.com.br/wmpublicador/DicasSV_Conteudo.vxlpub?hnid=30636



Quando estamos adrenados os reflexos ficam mais rápidos


Ótimo
. Vou me atentar aos trechos específicos abaixo:

"O motorista precisa dar uma pancada forte no freio e, simultaneamente, apertar a embreagem. Para se ter idéia, essa pancada deve ser equivalente a 25 kg. Nada de tocar levemente o pedal de freio. Ao contrário, a freada deve ser "agressiva"."
Isto está correto em partes. Porquê?

Estamos considerando aqui uma
freada de "Emergência"/"No susto" - desta forma, estamos considerando que o motorista dos sonhos do DETRAN não teria destreza e técnica sufiente para fazer reduzidas perfeitas sem estourar o câmbio do carro.

Ou seja, esqueceram de mencionar um grande pequeno detalhe: os freios super-aquecem em freadas bruscas, no entanto o próprio curso do DETRAN ensina a nunca andar em trechos de declives sem auxílio do freio-motor a afim de evitar este tal super-aquecimento, pois é sabido que o sistema de freio de grande parte dos carros de passeio perdem seu rendimento nessa situação.

Além disso não mencionaram também que alguns sistemas de freio ABS "trava" após uma freada de emergência. Isto é, se você estiver a 220km/h e acionar o freio na sua capacidade máxima após parar o carro será forçado a permanecer parado por mais alguns segundos, porque a pinça do freio quando super-aquecida gruda a pastilha no disco de freio e só desprende dela quando elas se resfriarem.

A parte vermelha (a pinça) cola no disco de freio (no seu interior)

Então imaginem a cena: você freia para não bater em animal na pista porque o Seu carro tem poder de frenagem, é forçado a ficar uns 10 segundos parado no meio da BR porque o freio super-aqueceu. No entando o animal já saiu da pista, e você vê ao retrovisor um carro em alta velocidade e você não consegue arrancar para entrar no acostamento. Será que explicam isso em algum curso do DETRAN?

"Nos carros sem ABS, a história é outra. Durante a frenagem, se o veículo estiver em linha reta, o motorista acaba virando passageiro do seu próprio carro: não há mais o controle da trajetória e o automóvel vai para onde quer. Em curvas, o veículo também escapa da trajetória correta e acaba saindo da pista."
Corretíssimo. Mas há uma forma e uma técnica onde se consegue o máximo poder de frenagem sem perder o controle de um carro sem freio ABS:

Técnica similar à citada pela Webmotors:

1 - Simultâneamente uma pancada agressiva no freio e "desengrenar" o carro.
2 - Repetir as pancadas no freio no menor intervalo possível que você conseguir - (Ficar "bombando" o freio sem parar bem rápido).

"O ABS não serve para frear em um espaço menor, mas sim para evitar o travamento das rodas e permitir que o motorista continue com o carro sob controle durante a frenagem."

Isso me lembra professores de faculdade puritanistas. O freio ABS diminui sim o espaço de frenagem porque simplesmente é mais efetivo. Se você aplicando a técnica anterior citada gastaria 140 metros para parar um carro numa velocidade de 110km/h, poderá gastar entre 120-130 metros com o freio ABS, o que ao meu ver é uma diferença significativa.

Para quem se interessou pelo assunto, procure jogar o jogo Grid do PlayStation 3 em modo simulação e desligue todos os assistentes de freio - existe um abismo de diferença entre jogar o jogo com ABS ligado e desligado, façam os testes.

Just my 2 cents.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

E parece que ela curtiu..................

"Ladrão usa vaselina para roubar anel de velhinha nos EUA"














É, eu também pensei besteira....................

Plageado do Verdade Absoluta

O Grande Campeão!!!

Como sei que o Marcelo é Flamenguista, e o time dele não conseguiu a vaga para Libertadores, eu só tenho uma coisa a dizer.

CHUPA!!!!











































São Paulo - HEXACAMPEÃO BRASILEIRO!!!

Agora sim, só existe um penta...........

Serviço de Utilidade Pública - Jack Lemonade




















(Essa bebida e mothafocka!!!)

Sei que vão falar, "porra whisky se bebe puro e os caralhos", mas quer saber, foda-se o mundo que eu não me chamo Raimundo!!!
Tomei isso aqui esses dias, e achei muito saboroso. A mescla do gosto encorpado do Jack, com o sabor do limão junto ao Contreau, formam uma bebida que vale a pena ser degustada por todo bom macho!

Segue ai a dica:

Receita

1 dose de Jack Daniel's
1/2 dose de Contreau
2 doses de água
1 colher de sobremesa de açúcar
1/2 limão espremido

Bater todos os ingredientes na coqueteleira. Completar com refrigerante de limão. Decorar o copo com um gomo de limão. Dica: Se você não tiver a coqueteleira, use dois copos com as bordas encaixadas uma na outra.

Boa dica pra levar para uma gatinha, além de ser saboroso, serve para embebedá-la facil, e garantir com uma margem maior de tranquilidade a transa de sua noite!

Cheers.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Manual do Macho



1. Puxar o catarro da alma, a qualquer momento. O catarro de um macho de verdade deve ter consistência, ser espesso e verde;

2. Coçar-se no meio das pernas periodicamente, e ter certeza que os outros sabem que você coçou;

3. Usar palavrão sempre que for desnecessário;

4. Jamais use plural em substantivos. Ex: um real, dez real.

5. Não deixe que ninguem veja você bebendo leite (ou Fanta, principalmente Fanta Uva).

6. Sente de pernas abertas.Tenha orgulho do que Deus lhe deu;

7. O sentido da vida está em provar a virilidade;

8. Pense duas vezes antes de fazer qualquer coisa.Uma com cada cabeça;

9. Use sempre camisa regata ao voltar da academia de ônibus;

10. Leia apenas o caderno de esportes e queime o resto do jornal. Se você tocar no suplemento feminino, mesmo que acidentalmente, será amaldiçoado;

11. Se você estiver no shoping e passar em frente a uma TV que transmite futebol,pare tudo, cruze os braços, incline a cabeça para trás.
Comente os lances importantes com quem estiver ao seu lado ” Puta, que bolão!!!”. ingue o juiz, fale da mãe do juiz, faça comentários maldosos sobre as irmãs dos jogadores e vá embora.

12. Seu carro é mais importante que a sua mulher;

13. Coce o nariz em público. Se nao tiver ninguém por perto, espere alguém chegar;

14. Procure saber o nome de todos que trabalham no boteco, isso dá moral;

15. Se você vir outro de sua espécie, arrote para delimitar seu território;


Puxado do Testosterona.

Chris Rock - Kill the Messenger

Estive esperando por este especial do Chris Rock a muito tempo, passou ontem na TV pela 1ª vez no Brasil.

Basicamente é um Stand-Up dele, falando sobre os mais diversos assuntos, sendo engraçado, polêmico, ácido e realista como ele costuma ser sempre.

Tenho visto muitos Stand-Up ultimamente, o do George carlin é muito bacana mas provavelmente pela idade avançada dele, não me identifico muito com ele.

Eu vejo esses idiotas brasileiros tentando fazer Stand-Up, mas é triste. Tentam ser engracadinhos mas sem entrar de verdade no assunto, sem falar o que queremos ouvir.

Chris Rock bota o dedo na ferida, fala das coisas com uma acidez em que vc se preocupa só de escutar as afirmações...hehehehee

Negão puto.

Recomendo, vale as risadas e pra Homem mesmo, é da hora pensar como ele em diversas ocasiões.

Como ser carinhoso com alguém sem ser meloso ou grudento, pergunta simples obrigado flws

E eis que surge uma das perguntas que nós do MEUSCOCOSDEGRAVATA queríamos responder.

Foi pra isso que criamos essa bagaça, pra dar essa luz aos menos favorecidos de massa cinzenta no que tange putaria, pegação, cafajestagem e na arte de fazer aquela doidinha ficar literalmente de quatro por vc.

Pois muito bem, iniciemos os trabalhos.

Primeiro, ser carinhoso é premissa sim de se relacionar decentemente com alguém, sua namorada espera isso de vc, sua mãe, sua tia, sua ficante, sua buceta amiga. Enfim, todas as mulheres a seu redor esperam que seja carinhoso.

Entendido? Vamos mais a frente um pouco.
Vemos muitos casos por aí de caras que misturam o SER CARINHOSO com seus medos, suas dúvidas e acabam refletindo no carinho atitudes não muito favoráveis ao estilo de vida de um homem com H maísculo. Ou o cara bate na mulher, ou é fresco demais, ou machista, ou perdem o senso do ridículo.

Aprendam, tudo o que é demais, principalmente em relacionamentos, é prejudicial.
O carinho que sai de vc tem que ser desinteressado, claro que vc espera algo em troca mas a mensagem que vc vai passar é de que só o fato de vc ter dado o carinho já é por si pagamento suficiente.

Essa atitude desprendida de um troco por parte da manceba irá gerar um retorno por parte dela infinitamente maior do que se fosse simplesmente exigisse algo.

Entenda, não estou aqui falando de um carinho no rosto da menina ou nos seus longos e sedosos cabelos. O carinho em questão aqui é aquele olhar malicioso seguido do elogio mais devastador que vc possa pronunciar. É aquela rosa ou buquê entregue no meio da tarde no trabalho dela, é aquele jantar especial com aquele vinho que vai te custar metade do seu salário, é aquela atitude de defender ela em um local que ela se sinta indefesa.

Isso é carinho para a alma, para marcar.

E como ser tudo isso sem ser meloso?
Cara, é simples. Deixe ela te pedir o carinho, mas preste atenção! Ela não vai pedir claramente, com palavras. A forma dela pedir seu carinho é em um comentário, um olhar, um gesto.
Os homens mais bem sucedidos no universo feminino são os que prestam atenção.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

O Jogo da Bol$a

Tava de bobeira procurando um presente de natal para o meu sobrinho e eis que encontro O jogo da Bol$a. Conheço muita gente que nunca se aventurou no mundo dos mercados de ações porque nunca teve saco para entender como tudo funcionava, principalmente porque no Brasil recolher impostos sobre operações de day trade é uma tarefa bem punk.

Como sou um tio esperto, eis a jogada:

Dou o jogo da bolsa pros meus sobrinhos, espero eles ficarem viciados no jogo e depois pego a manha mastigada ;]

Descrição: Divirta-se aprendendo a operar na alta ou baixa das bolsas com o jogo que mistura a teoria de um livro, a prática de um simulador da bolsa de valores e a adrenalina de rodadas muito competitivas.

Desafie sua família e amigos e corra o risco de ganhar dinheiro!

Participantes: 2 a 6 jogadores.

Idade recomendada: a partir de 10 anos

Escola para idiotas

Se você nunca assistiu, precisa assistir. O filme fala sobre um camarada que resolve dar aulas para jovens mancebos totalmente cabaços e tem um desfecho que está acima da média, eu agarantio!

Tamanho: 352 Mb
Áudio: Inglês
Legenda: Português
Formato: Rmvb
Gênero: Comédia
Download: Aqui aqui

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

A força da inércia

Há fases da nossa vida em que muita coisa não faz sentido, principalmente quando se trabalha com atividades stressantes. A vontade é de ligar o foda-se e mandar meio mundo de gente se foder. Mas enquanto o nosso lado racional nos proibe de fazer esse tipo de proeza, adotamos táticas de auto-defesas da chatisse em praticas de procrastinação - de deixar tudo pra depois, afinal porquê fazer hoje se podemos fazer tudo amanhã?

Versão diurna do "Só mais 5 minutos"

As vezes temos que resolver tanta coisa que perdemos o foco e nossos problemas se transformam numa bola de neve. Ou as vezes é pior ainda, vamos postergando o problema, empurrando com a barriga com uma falsa sensação de alívio temporária.

Em suma é como na época do colegial quando um professor filho da puta nos passava um trabalho - durante as férias inteira você ficava pensando no trabalho, não descansava direito, as vezes tinha até pesadelos, mas nunca pensava em fazer o maledito trabalho.

Vou colar um trecho do link da procrastinação:

"Fase crítica – O início da vida adulta, dizem os especialistas, é o período mais crítico quando se fala em procrastinação. Na adolescência, o adiamento é conseqüência principalmente do medo de fazer alguma coisa e ser criticado. Por volta dos 24, 25 anos, a pessoa começa a ser obrigada a assumir responsabilidades que, antes, quando contava mais com o auxílio direto dos pais, podia delegar com certa facilidade.

'A pessoa sofre o impacto das muitas coisas que tem de realizar e, como ainda não tem o know-how para conciliar tudo, pode adiar decisões importantes'.

O problema é que, nesse período, se a pessoa não parar para refletir sobre os motivos do adiamento, pode fazer com que esse comportamento torne-se padrão em sua vida.
Muitas crianças acabam se tornando procrastinadoras por causa dos pais. 'Se o pai diz que o filho só pode sair para brincar se arrumar o quarto antes, mas não explica a importância de priorizar as coisas, a criança vai ficar ansiosa para sair e pode não se concentrar na arrumação'. "


Você só vai jogar video-game depois que comer tudo.

E realmente é muito foda romper a inércia, sair desse ciclo vicioso - mas se você leu esse post até aqui, sugiro um desafio à você. Comece a resolver uma pendencia qualquer no seu trabalho, mas não pare até concluir, verá como seu dia vai ser produtivo.

Nos posts futuros continuarei esse assunto, sobre foco, hiperatividade e hiper-foco.

Just my 2 cents.